Como tratar a ansiedade e os seus sintomas

Vários Artigos 683 visitas 2 Comentarios

O QUE O AMOR NÃO É

Imagine que a uma criança lhe administrada pequenas doses de droga diariamente. Á medida que a droga penetra no corpo da criança, ela se torna viciada. Estar sem a droga é um tal tormento que mais vale morrer.
Pense nessa imagem, por uns instantes. Essa criança viciada e que rasteja por droga.


É EXACTAMENTE O QUE A SOCIEDADE LHE FEZ QUANDO NASCEU.
Não teve a possibilidade de se nutrir do alimento mais vivificante da vida, ou seja, amor incondicional, trabalho, brincadeira, diversão, riso, a companhia de pessoas, os prazeres dos sentidos, os prazeres da mente.
Em vez disso, deram-lhe a provar de uma droga chamada aprovação, atenção, reconhecimento e até encorajamento ou apoio. A razão pela qual as pessoas ainda se sentem felizes juntas é porque são co-dependentes. Existem, certamente, problemas de co-dependência nessa relação.
” Olha, esta é a pessoa que me dá a droga da aprovação”
” Olha, esta é a que me dá a droga do encorajamento”

Tratar A Ansiedade


Somos cativos e tornamos o outro carrasco. E na falta dessa droga a ansiedade vem e se instala, gerando cobrança e vitimização infantil.
Então, importa ir fundo e perceber que, ainda que haja felicidade, certamente existirá co-dependência.
Mesmo quando odeia há co-dependência. É duplamente nocivo.
Quando odeia alguém dá-lhe tanto poder para o fazer a si miserável. Porque, obviamente não consegue ser feliz quando está a odiar. E não somos felizes quando odiamos.
Está a dar-lhes todo o seu poder. é completamente co-dependente da pessoa que odeia para que ela lhe devolva a sua felicidade.
Não é horrível?

Gera uma horrível, não é?

Quem quer permanecer nessa vibração?
Como reconhece as co-dependências na sua vida?
Comece nas suas relações mais intimas. As que teve. As que tem actualmente. Tem uns 100 telefonemas ao dia…
Montes de mensagens…
“Tenho uma mensagem da Mimi, deixa ver o que ela diz” e fica todo eufórico com esse joguinho?
É CO-DEPENDÊNCIA!
É como se no interior dessa mensagem estivesse algo como…
“Há, sou aprovado por ela”
“Fui aceite”
“Fui reconhecido”
“Sou querido”
“Precisam de mim”

É horrível! É assim de promiscuo.
Todos os contos de fadas. “Príncipe vai salvar a princesa” e coisas do género.
Tudo isso são modelos de co-dependência. Filmes, anúncios… até ao ultimo que se lembrar. Começa nos filmes da Disney e só vai piorar.
Então, a primeira coisas que tem que fazer para se livrar da co-dependência é saber que a vive! É saber que ela faz parte da sua vida. Quer seja de uma pessoa, de dinheiro, de notas, de trabalho, da identidade do trabalho, do estatuto, do seu casamento, das suas posses, do seu aspecto físico, da sua aparência, dos seus filhos…
Se precisa de alguma coisa fora de si para ser feliz, está a dar-lhe o seu poder. deu-lhe o comando para controlar “ON” e “OFF” a sua felicidade. O comando do que o faz feliz ou miserável está agora completamente fora do seu controlo.

Saiba aqui mais informações sobre o tratamento para a ansiedade.
É uma marioneta. Um fantoche.
Está completamente vulnerável, completamente impotente.
Não é uma forma agradável de se viver, pois não ?
A primeira coisa que tem que fazer é reconhecer onde a co-dependência existe na sua vida. Essa é a proposta. Olhe agora para a sua vida. Olhe as muitas formas que permite que pessoas ou situações fora de si tenham o poder de determinar a sua felicidade ou infelicidade. Escreva todas elas…
Depois vamos trabalhar.

Mais info em: http://www.terapiasdamente.pt/blog/hipnose-ansiedade/

Como e os seus sintomas
4.5 (90%) 4 votos


AVISO: Este artigo é meramente informativo, não temos capacidade para receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico.
Consulte o seu médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.
2 Comentários
  1. Filipa Gomes

    | Responder

    Sofro imenso com a ansiedade…

  2. Paulo

    | Responder

    A ansiedade desgasta-me 🙁

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *