Pedra nos rins – causas e sintomas | Tratamento

Corpo 3663 visitas 2 Comentarios

A função principal dos rins é filtrar os produtos metabólicos de excreção e o excesso de sódio e de água do sangue, assim como facilitar a sua eliminação do organismo; também ajudam a regular a tensão arterial e a produção de glóbulos vermelhos.

Cada rim contém cerca de um milhão de unidades encarregadas da filtragem (nefrónios).

O líquido proveniente de vários nefrónios passa para o interior do chamado tubo coletor. Nos tubos coletores, o líquido pode seguir através do rim sob a forma de urina diluída, ou a água desta pode ser absorvida e devolvida ao sangue, fazendo com que a urina seja mais concentrada. Mediante as hormonas que influem na função renal, o organismo controla a concentração de urina segundo as suas necessidades de água.

As conhecidas “pedrinhas” nos rins resultam de depósitos microscópicos na urina que se solidificam com o tempo, como o sal deixado no fundo de um copo com água salgada depois que o líquido evapora.

Os cálculos formam-se nos rins quando os cristais que se acumulam nas paredes renais tornam-se tão grandes que podem ser chamados de “pedras”. O principal sintoma é uma dor (insuportável) na parte inferior, no meio das costas. Os rins também doem, é por norma, outras partes do corpo passam a sofrer com a retenção de água.

Os homens apresentam o dobro da tendência para desenvolvimento de cálculos renais em relação às mulheres e o primeiro episódio ocorre por volta dos 30 anos de idade. No caso das mulheres, existem dois picos de incidência, aos 35 e aos 55 anos.

Nem sempre se conhecem as causas para a formação de cálculos, mas a influência genética é importante.

A dor da cólica renal gera uma grande agitação e não tem nenhuma posição de alívio. Pode acompanhar-se de náuseas e vómitos.

Pedra Nos RinsUma vez que o cálculo pode ferir as paredes do ureter à medida que desce, é normal a ocorrência de alguma perda de sangue na urina.

A cólica renal associa-se ainda a uma urgência urinária e a um desconforto na região da bexiga, ambos causados pela passagem do cálculo do ureter para a bexiga. Estes sintomas são idênticos aos encontrados na .

Mais raramente, pode ocorrer febre, sobretudo se ocorrer obstrução com paragem de progressão do cálculo.

Se os sintomas persistirem a remoção do cálculo torna-se necessária, sendo habitualmente feita mediante a inserção de um cateter pela uretra.

A ingestão regular de coca-cola é uma das principais responsáveis pela formação de cálculos renais. Este refrigerante possui ácido oxálico em sua composição, que cristaliza-se com muita facilidade, formando as pedras.

O de pedra nos rins pode ser feito com o uso daquilo que realmente funciona e não vai causar danos ao seu organismo.

Tratamento Natural de Pedra nos Rins

INGREDIENTES
1 cebola
1 copo de água

MODO DE PREPARAÇÃO
Corte a cebola e coloque dentro de um copo com água.
Deixa repousar à noite.
Na manhã seguinte, em jejum, beba esta água.
Retira a cebola antes – é para beber apenas a água.

Tratamento durante 15 dias.

O paciente com pedra nos rins deve beber entre 2 e 3 litros de líquidos por dia. Uma boa opção é fazer uma dieta líquida à base de sumo de frutas naturais, sopas e água, assim a produção de urina aumenta e a deslocação do cálculo renal é mais fácil e menos dolorosa.

Alimentos desaconselhados para quem tem cálculo renal

Os alimentos desaconselhados para cálculo renal são os alimentos ricos em oxalatos, como o espinafre, a beterraba, o cacau, ruibarbo, alguns refrigerantes, chás (como o chá preto, mate ou verde), amendoim, café, bebidas achocolatadas e chocolate, nozes, mariscos e frutos do mar. É também importante eliminar o sal da dieta.

AGRIÃO
Prepare um sumo de agrião;
Dilua o sumo na mesma quantidade de água;
Tome meia chávena de manhã, em jejum;
Pode tomar até duas chávenas pequenas por dia.

As razões ainda não estão bem definidas. Mas podem ter que ver com o facto de as características diuréticas do vinho fazerem o rim funcionar.

Pedras nos Rins - Pedra Nos RinsSALSA
Pegue num punhado de salsa e lave bem. Corte bem picadinho e coloque num tacho para ferver durante 10 minutos e deixe arrefecer. Coe, ponha num jarro com tampa e guarde no frigorífico.

Beba um copo todos os dias, e você vai perceber que o sal e outros venenos acumulados nos rins saem na urina.

O sumo de salsa, sendo uma bebida natural, pode ser tomado misturado com outros sumos, 3 vezes ao dia.

Um estudo levado a cabo por especialistas dos hospitais universitários de Boston e de Roma chegou à conclusão que o consumo moderado de vinho estará associado a um “reduzido risco de desenvolvimento de pedra nos rins”, anunciou a revista Wine Spectator.

O médico mais indicado para tratar o cálculo renal é o nefrologista, que poderá indicar um nutricionista para adaptar a dieta e completar o tratamento da pedra nos rins evitando também a formação de novos cálculos..

Pedra nos rins – causas e sintomas | Tratamento
4.8 (95.38%) 26 votos


AVISO: Este artigo é meramente informativo, não temos capacidade para receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico.
Consulte o seu médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.
2 Comentários
  1. Carla Melo

    | Responder

    vou levar estas dicas!

  2. Lúcia

    | Responder

    Bebo muita água e tenho muito cuidado com a minha alimentação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *