Curas Naturais

Tensão Baixa (Hipotensão) o que Comer

A pressão arterial, de uma forma muito generalizada, pode ser explicada como a “força” do sangue contra as paredes das artérias à medida que é bombeado pelo coração.

Como tensão baixa, ou hipotensão, entendem-se valores inferiores a 90/60 mmHg (unidade de pressão).

Contrariamente à tensão arterial alta, a hipotensão não é potencialmente fatal e não causa quaisquer outras doenças potencialmente graves. Proporciona também protecção contra muitas doenças cardiovasculares, tais como o ataque cardíaco e o acidente vascular cerebral (AVC).

Contudo, pessoas com baixa tensão arterial (hipotensão arterial) podem também ter queixas: tonturas, distúrbios de concentração e cansaço, que podem ser sintomas. Além disso, o desempenho mental pode também ser afectado. Pessoas saudáveis que sofrem de hipotensão arterial podem ter problemas de concentração e reagir de modo mais lento.

 

banner1 1

Tipos de Pressão Arterial Baixa

Existem vários tipos de pressão baixa. Existem pessoas que por natureza sofrem de pressão baixa, mas estes não apresentam sinais ou sintomas e não necessitam de tratamento, já que não poderá ser considerado uma doença.

Outros tipos de pressão arterial baixa ocorrem esporadicamente e devem ser levados muito a sério já que têm consequências extremamente graves quando não são vigiados da forma correcta.

 

O tratamento para a hipotensão depende do tipo de hipotensão em questão, da gravidade dos sinais, dos sintomas e ainda da pessoa em questão.

Geralmente para pessoas que têm uma saúde estável o tratamento é muito leve, e em alguns casos sempre que há uma quebra de tensão (como é geralmente denominada) o melhor é a pessoal manter-se na posição sentada ou deitada, elevar-se as pernas e deixar a pessoa respirar durante algum tempo.

Se por ventura os sintomas não desaparecerem ao fim de alguns minutos deve-se chamar um médico rapidamente, pois poderá estar a ter uma perca de consciência devido a outros sintomas aliados à hipotensão.

 

Tipos de quebra de tensão | tensão baixa

1. Primária – Não é considerado uma doença, podendo apenas, mediante certas condições, provocar alguns sintomas decorrentes de uma deficiente circulação sanguínea.

Por norma não provoca sintomas, mas quando apresenta, contam-se sintomas como cansaço excessivo, sonolência, náuseas, dores de cabeça ou palidez, por exemplo.

2. Secundária – Pode estar relacionado com a existência de outro tipo de problemas de saúde, como insuficiência cardíaca ou problemas neurológicos, por exemplo, o que torna mais difícil a sua identificação.

3. Postural – Acontece quando depois de estar algum tempo em posição sentada ou deitada, uma pessoa se levanta e sente uma quebra de tensão.

Nestes casos é difícil identificar as causas por detrás da hipotensão.

 

É muito importante saber o que fazer quando começa a ter estes sintomas de quebra de tensão:

  • Sentar-se e colocar a cabeça entre as pernas;
  • Deitar-se e elevar as pernas o máximo que conseguir;
  • Colocar um pouco de sal debaixo da língua e deixar derreter;
  • Beber um café bem forte, caso não tenha outros problemas cardíacos;
  • Ingerir alimentos com açúcar;
  • Controlar a respiração;
  • Pedir a ajuda de alguém.

 

No entanto, existem alguns truques que podem ajudar a regular a pressão e a controlar estes sintomas, e muito deles estão relacionados com a alimentação.

Come batatas, arroz, massa e pão branco? Então é melhor substituir esses hidratos de carbono por outros com índice glicémico mais baixo, como a batata doce, as leguminosas e os cereais integrais.

Por outro lado, deve privilegiar o consumo de chá verde, chá preto ou café. Porquê? Porque ajudam a aumentar a pressão se forem em doses moderadas.

Normalmente, a tensão arterial baixa também pode estar relacionada com a carência de vitaminas do complexo B. Por isso, o melhor é garantir que tem ovos, carne, peixe (como o salmão, o atum e a sardinha), marisco e leite em casa — alimentos ricos nesta vitamina.

Caso tenha problemas de anemia, esta doença também pode estar a fazer com que a tensão baixe. Neste caso, é importante incluir nas refeições alimentos ricos em ácido fólico.

“Os vegetais de folha verde escura, os cereais integrais, a aveia, as leguminosas, as sementes de girassol e linhaça, o abacate e os frutos vermelhos são alguns deles”.

O calor, a fadiga, a falta de energia, o stress e a desidratação podem baixar tensão arterial e agravar o sofrimento com o calor. Quando as temperaturas aumentam, a tensão arterial baixa. Mas existem soluções para as quedas de tensão com o calor e para a hipotensão crónica.

Com bons hábitos diários e a toma de suplementos específicos para o Verão poderá sentir-se como novo e dizer adeus ao cansaço e à fadiga.

 

Reposição diária de sais minerais

O Potássio e o magnésio são minerais essenciais para o bem-estar do corpo. Na verdade, uma eventual falta desses micronutrientes (tal como a carência de magnésio) pode causar hipotensão. O magnésio ajuda as nossas células a converter os nutrientes em energia, enquanto que o potássio tem um efeito vasodilatador sobre os vasos sanguíneos. Por esta razão, os especialistas recomendam tomar um suplemento à base de magnésio e potássio para revigorar o corpo, em caso de tensão arterial baixa, sensação de esgotamento ou fadiga e cansaço generalizado.

Experimente também alimentos ricos em magnésio, tais como sementes de abóbora, rebentos de soja e frutos secos.

Tensão Baixa

 

A solução deliciosa: o chocolate preto

Entre as muitas propriedades do chocolate preto está aquela de ajudar em caso de tensão baixa. Além de conter sais minerais, tais como o potássio, o sódio e o magnésio, o chocolate preto também tema a capacidade (ao nível químico) de expandir o volume plasmático e de estimular os receptores de ligação nas artérias. Por isso, é um excelente tónico para ter em casa, no escritório ou na sua bolsa, caso venha a precisar.

Tensão Baixa

 

O alcaçuz

O alcaçuz é, por excelência, o tratamento das avós. O efeito benéfico para a tensão baixa é proporcionado pela glicerina, o princípio activo extraído da raiz de alcaçuz. A nível químico, age aumentando a acção do cortisol, logo, a pressão arterial. Pode comprá-lo em pó, em sumo ou em barra, muito prático para ter na sua bolsa para emergências.

O alcaçuz é um tratamento natural, mas é sempre melhor perguntar ao seu médico ou farmacêutico antes de tomar quantidades moderadas durante um longo período.

 

Garrafa sempre à mão

Aproveite a mala do computador para ter sempre consigo uma garrafa de água. É essencial manter o organismo constantemente hidratado: é melhor tomar pequenos goles durante o dia, do que meio litro de água em poucos minutos. No mercado existem também mini garrafas térmicas que mantêm os líquidos frescos, ocupam pouco espaço e são uma escolha ecológica.

Não deixe de consultar o seu médico para perceber não só a causa, mas também para procurar o tratamento mais adequado ao seu caso.

 

5 / 5. Votos: 3

Sem votos! Seja o primeiro.

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo